Caminhos Sonoros realiza Formação para uma nova Escuta em Mairiporã PDF

Na próxima semana, entre os dias 14 e 17 de março, o projeto Caminhos Sonoros realizará uma Formação para professores da rede municipal de ensino, no Centro Educacional de Mairiporã. O convite é estendido para músicos educadores, professores da rede estadual, de escolas particulares e professores de cursos relacionados às artes. A proposta é apresentar aos docentes polivalentes exercícios e dinâmicas voltadas à sensibilização para a música e ecologia dentro da sala de aula, através da escuta ativa, ou seja: do ouvir consciente.

O conteúdo apresentado durante esta oficina é resultado da sistematização da experiência desenvolvida ao longo de cinco anos em Mairiporã, envolvendo 19 escolas, mais de 50 músicos (em especial estudantes do Instituto de Artes da Unesp) e vários protagonistas da cidade na área de cultura e meio ambiente.  Ao longo de quatro manhãs, os participantes da oficina receberão conteúdos que tratam de assuntos que vão desde os benefícios do ensino da música segundo as mais recentes pesquisas de neuroplasticidade do cérebro, até vivências voltadas a dinâmicas de composição, apreciação musical e ecologia sonora para a sala de aula.

"A sistematização da experiência que realizamos nas escolas de Mairiporã está sendo organizada em um documento escrito que servirá como base para que a Secretaria de Educação do Município dê continuidade às atividades do projeto, na área de música. O Caminhos Sonoros é um projeto que acredita que a sensibilização da escuta pode criar novos cidadãos. Esperamos que o projeto possa ter continuidade através dos professores que poderão inserir as dinâmicas desenvolvidas na oficina, em seus planos de aula." - diz Anna Claudia Agazzi, professora doutora do Instituto de Artes da Unesp e coordenadora geral do projeto.

Esta formação será conduzida pela equipe do projeto, que envolve a Professora Doutora Anna Claudia Agazzi, Professora Doutora Marisa Fonterrada com a presença do biólogo local Moacir Carnelós. Faz parte ainda da equipe, o músico Denis Rosa, a educadora musical Raquel Freitas e a radialista Cecilia Migliorância.

O Caminhos Sonoros está em seu 5º ano de atuação em Mairiporã e é resultado de uma parceria feita entre o Instituto Holcim e a Prefeitura de Mairiporã, através da Secretaria de Educação, Esportes e Cultura e conta com o patrocínio da LafargeHolcim - Unidade Mairiporã, por meio de leis de incentivo fiscal do Governo do Estado de São Paulo e do Governo Federal. Foi desenvolvido pela Fare Arte , sendo um projeto de extensão da Universidade Paulista - Unesp / IA, que une Cultura e Meio Ambiente, em benefício do desenvolvimento das vocações da comunidade local de Mairiporã.